26 Março, 2017      10:07 GMT +1 Luanda

Angola mantém-se como principal produtor de petróleo em África

Enviar por E-mail Versão para impressão

20170315

Angola manteve-se em Fevereiro como o principal produtor de petróleo em África, superando a Nigéria, de acordo com o relatório mensal sobre o mercado petrolífero divulgado pela Organização dos Países Produtores de Petróleo (OPEP).

Depois de em 2015 ter-se mantido ainda abaixo da Nigéria, com 1,753 milhões de barris por dia contra 1,861 milhões de barris por dia, a partir de 2016 manteve-se de forma consistente como principal produtor de petróleo no continente africano, tendo encerrado o ano com uma produção de 1,73 milhões de barris por dia contra 1,577 milhões de barris por dia da Nigéria.

A produção registada em Fevereiro tendo por base fontes secundárias ascendeu a 1,641 milhões de barris por dia, uma quebra de 18,2 mil barris por dia face aos números de Janeiro, ao passo que a Nigéria contabilizou 1,608 milhões de barris por dia, com um acréscimo mensal de 58 mil barris por dia.

Tendo por base a comunicação directa, a produção angolana ascendeu a 1,649 milhões de barris por dia, mais 34 mil barris por dia face a Janeiro, enquanto a produção nigeriana atingiu 1,526 milhões de barris por dia, com uma quebra mensal de 6,8 mil barris por dia.

A produção de petróleo dos países membros da OPEP, de acordo com fontes secundárias, contraiu-se em Fevereiro em 0,14 milhões de barris por dia em termos mensais para 31,96 milhões de barris por dia, tendo a Arábia Saudita, Iraque, Emirados Árabes Unidos e Angola registado as maiores quebras e a Nigéria o maior aumento. (Macauhub)

 


beyond_words
beyond_words